Como Matheus e Kauan chegaram ao topo do sertanejo graças ao reggae, funk e MPB

Matheus e Kauan durante gravação do DVD 'Intensamente hoje', em São Paulo (Foto: Cadu Fernandes/Divulgação)

 

 


Você pode até não ter ideia de qual é a diferença entre Matheus e Kauan e outras duplas sertanejas, mas é difícil que nunca tenha escutado – ou até cantarolado – algum desses versos:

“Fica / Me queira e queira ficar”
“Se ela quer dançar, deixa ela dançar”
“A tela fria desse celular / Só ver sua foto não vai me esquentar”

Além de serem todas parcerias da dupla com outros artistas, “Fica” (com Anavitória), “Deixa ela beijar” (com Kevinho) e “Ao vivo e a cores” (com Anitta) têm outro fator em comum: não se parecem nada com uma moda sertaneja.

Já Kauan escreveu a romântica “Ao vivo e a cores”. A letra, diz o músico, fala da saudade que ele mesmo sente da mulher durante as viagens em turnês. Já a melodia tem influência de R&B.

Facebook Comments
Como Matheus e Kauan chegaram ao topo do sertanejo graças ao reggae, funk e MPB